Panela de Ferro

Tenho uma panela e uma frigideira de ferro, não esmaltadas, as duas da marca Panela Mineira. Elas são ótimas: pesadas, como eu gosto, selam carnes com facilidade, são resistentes, vão ao forno, retêm o calor por mais tempo e quando ficam quentes, ficam quentes mesmo!

Um outro diferencial das panelas de ferro – não esmaltadas por dentro, é importante frisar – é que, ao cozinhar os alimentos, ferro é transferido para eles.  Isso pode evitar a anemia e é muito positivo para crianças e adultos. O site da Panela da Vovó tem uma página dedicada apenas a este assunto, aqui, muito bacana. 

A minha panela, é a do modelo abaixo:

Panela MineiraBonita né? Tenho diversos cuidados com ela. Para limpá-la, uso sabão neutro, preferencialmente em barra, com água morna. Como a panela de ferro é porosa, não é bom utilizar detergente líquido. Ninguém quer comer coq au savon ao invés de coq au vin. Também não uso esponjas de aço ou a parte mais áspera da bucha.  Para secar, a deixo no fogo, até não ter mais nenhum resíduo de água, o que evita que a panela enferruje.

E se enferrujar, não tem problema. A panela é de ferro, não é? Quando acontece com a minha – não tem acontecido ultimamente, a não ser quando respinga água nelas sem que eu veja – esfrego bem a ferrugem para tirá-la, lavo e seco no fogo. 

Sempre escuto falar que não é bom guardar comida nela, por exemplo, de um dia para o outro. Não sei por que ao certo, talvez por causa da ferrugem ou da reação do ferro exposto à comida por muito tempo. 

Também já escutei falar que sal e tomate podem reagir com o ferro, mas nunca tive problemas com isso. O Márcio Berti, proprietário da marca La Grande Maison, também não. 

A grande dica para a panela de ferro é curti-la, ou como alguns dizem, temperá-la. Esta é uma técnica para deixar a panela um pouco mais anti-aderente. Li sobre ela em livros, revistas e blogs. Funciona, faço sempre na minha. 

O Ruhlman e o The Kitchn tem técnicas diferentes para curtir as suas, e a que eu utilizo é um misto das duas, que funciona muito bem.

Com um papel toalha, passo óleo de cozinha na panela inteira, criando uma camada de óleo nela toda. Coloco a panela no fogo e deixo por um bom tempo, até que ela tenha absorvido este óleo. A temperatura fica muito alta , então não volto a mexer nela até que esteja bem fria. Faço isso sempre, para criar uma ‘película’ mais forte e resistente. Algumas vezes, partes da panela ficam com uma camada de óleo não absorvida, grudenta. Não é o correto e quando acontece comigo, lavo a panela e repito o processo. 

Depois disto, a panela também fica mais bonita, de uma cor preta mais viva e brilhante. 

Fontes e links úteis:

  • La Grande Maison: já falei sobre a La Grande Maison anteriormente e entrevistei um de seus proprietários, o Márcio Berti, neste post. Eles fazem lindas panelas de ferro esmaltadas e possuem a linha La Santé, esmaltada apenas por fora, e não por dentro, permitindo que o ferro passe para os alimentos. 
  • Panela Mineira: é a marca que mais vejo à venda em São Paulo. São bonitas e resistentes, estão disponíveis em diversos modelos e não são caras. 
  • Panela da Vovó: acho que nunca vi delas à venda, mas o site tem informações interessantes.
  • Blog do Ruhlman – Elements: Cast Iron: este post é extraído de um dos seus livros, o The Elements of Cooking. Informações bacanas, incluindo sua técnica para ‘curtir’ as panelas. 
  • Blog The Kitchn – Technique: Seasoning Cast Iron: este post mostra passo a passo a técnica utilizada pela Sara Kate, do The Kitchn, incluindo diversas fotos. Já testei esta técnica também e é muito boa, não faz muita bagunça. 
Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , ,

22 Respostas to “Panela de Ferro”

  1. Tati Says:

    Minha panela de ferro não esmaltada literalmente era da vovó…. nunca tive nenhum problema com ela e nenhum tipo de cuidado especial. Adoro fazer bife nessas panelas, acho que pelo calor intenso eles ficam melhores.
    Tenho tido problemas no wok, ele sim é chato de limpar e não ter problemas.

  2. Armazém S.A. Says:

    Hum, que bacana, provavelmente a sua já está curtida pelo uso!!! Também gosto muito de fazer bifes na minha, e tenho usado ela até pra fazer pão! Qualquer dia desses posto essa receita!

  3. Cristina Says:

    No mês passado resolvi dar fim nas minhas panelas de Teflon. Comprei um jogo de aço inox e aos poucos tenho comprado panelas de ferro. Já tenho uma bifeteira, uma frigideira e uma chapa tapioca, todas da marca Panela Mineira. Agora quero comprar uma caçarola pra fazer meus ensopadinhos. Hummm!!! Vou conhecer mais essa página pra pegar algumas dicas.

  4. Gisele Says:

    Deixei a comida na panela durante 5 horas. Tem algum problema?

    • Armazém S.A. Says:

      Gisele, não sou nenhum especialista, mas minha recomendação é não deixar por todo esse tempo. Um dos problemas é que a panela cria ferrugem rápido, e essa ferrugem pode contaminar a comida.

  5. vilma de oliveira sousa Says:

    tenho algumas panelas de ferro, aprendi com minha mãe como usa-las ,gosto tanto que quero comprar mais algumas peças.elas são ótimas retém mais calor ea a comida fica com gostinho maravilhoso.gostaria de receber algumas dicas de como aproveita-las melhor.

    • Armazém S.A. Says:

      Vilma, se foi a sua mãe que te ensinou como usá-las, vai ser tarefa difícil te dar novas dicas! Mãe sabe dessas coisas, mais do que eu!

      Continuo pesquisando sobre elas e em breve postarei mais dicas! Por hora, uma dica que posso dar é usá-la como ‘assadeira’, por exemplo, para fazer um frango assado no forno, com batatas forrando o fundo dela. Os sucos se concentram mais do que em uma assadeira comum, temperando melhor as batatas. Cuidado especial com partes de madeira (o cabo da minha é, tento cobrir com papel alumínio mas eles já estão bem escuros) e com a temperatura que ela sai do forno!

      Abs!

  6. Gustavo Timm Says:

    Oi. Estou aprendendo agora a cozinhar e também usar panelas de ferro. Uma dúvida: quando a comida fica queimada/grudada no fundo, tipo carreteiro, como fazer para limpar? Deixar de molho? Quanto tempo? Raspar para soltar (com a colher de pau)? Obrigado desde já pela ajuda, Abs

    • Armazém S.A. Says:

      Oi Gustavo, o ideal é raspar com uma colher de pau mesmo, mas às vezes isto não é suficiente.

      Se isso acontecer, você tem duas opções: a primeira é colocar um pouco de água e vinagre na panela, levar ao fogo e ir raspando com a colher de pau. Se ainda assim não funcionar, você pode deixar de molho sim, mas por pouco tempo pois a panela de ferro enferruja rapidamente.

      Para deixá-la de molho por mais tempo, o ideal é que ela esteja submersa em água. Se a panela for muito grande, enche ela de água até a metade, tomando cuidado para que ela esteja bem seca por fora. Enferrujar não é o ideal, mas se acontecer também não tem problema: limpa ela bem com uma bucha, tirando toda a ferrugem, e leva para secar ao fogo.

      Espero que as dicas do Armazém S.A. estejam te ajudando a aprender a cozinhar!

      Abs!

  7. Rejane Says:

    quero começar utilizar panelas de ferro, lembro-me de minha avó e minha mãe, que cozinhavam com elas.
    Estou achando muito interessante estas dicas.

  8. Hermes Says:

    E como a gente aqui da roça diz: Frango tem que ser feito na panela de ferro, no fogao à lenha com lenha de goiabeira; Mas se nao tiver tudo isso, pelo menos a panela todos temos condiçao de te-la. O sabor de qualquer carne na panela de ferro e mais agradavel, pois ela pega uma caloria maior, sem deixar queimar, fica meio-assada-meio-cozida, fica diferente.
    vai um segredinho ai da minha mae D. Tina do Doque do Ze Pedro, la da Barra do Funchal: refogue bastante qualquer tipo de carne temperada na panela de ferro adicionando oleo aos poucos e sempre mexendo, quando perceber que ja da pra comer ( aparencia de churrasco) e hora de acrescentar a água e deixar terminar de cozinhar. um abraço a todos.

  9. elis regina gaides paim Says:

    gosto de usar panelas de ferro, logo que sirvo a mesa desocupo elas lavo bem e seco no fogo ,mais as vezes ela cria ferrugem e nao sei o que fazer , tenho uma panela que solta um gosto diferente sera por que fiz nela remedio caseiro para bronquite com vinho , gostaria de receber resposta de vcs desde ja obrigado ELIS

    • Armazém S.A. Says:

      Elis, em relação a ferrugem, talvez a panela não tenha ficado tempo suficiente no fogo para secar bem. Esfrega ela bem com uma bucha debaixo d’água, pode ser com a parte mas áspera, até a ferrugem sair, e volta ela pro fogo pra secar. Depois que ela secar o ideal é você ‘curtir’ ela, como eu explico no post. Isso também a deixa mais resistente em relação a ferrugem.

      Em relação ao gosto que uma das suas panelas solta, eu acho estranho. O gosto é de vinho? Você colocou algum outro tipo de remédio ou químico quando fez seu remédio caseiro? A panela de ferro é porosa e isso pode acontecer, mas é difícil. Para tirar esse gosto, eu tentaria ferver água com uma ou duas batatas nela algumas vezes, curando-a depois. Se não funcionar, me avisa!

      Abs!

  10. julio Rapaz Says:

    Boa Noite

    Onde posso comprar panelas de ferro igual à V informação ???

    ob

    • Armazém S.A. Says:

      Boa noite Júlio!

      A La Grande Maison tem uma loja de fábrica super bacana na rua Harmonia, 317 – Vila Madalena. Por serem esmaltadas, as panelas são um pouco mais caras, mas como a loja é de fábrica, os preços são melhores do que em lojas convencionais.

      Já a Panela Mineira, você encontra em lojas normais, inclusive lojas de posto de estrada e na rua Paula Souza, em São Paulo. Você é daqui? Estou consultando lojas específicas e logo posto por aqui.

      Abs!

  11. julio Rapaz Says:

    Boa Noite

    Obrigado pela V atenção

    Voltamos às Placas de indução : Têm o limite máximo de 280mm??

    Se for assim condiciona muito o seu uso porque por Ex: as panelas com aquele diâmetro têm pouca capacidade Ou Não ???

    Ou há solução por ex para panelas com 400mm de diâmetro ??

    A propósito penso que as panelas esmaltadas seriam a minha solução, pois o clima aqui junto ao mar é terivel para o ferro sem qq tratamento.

    Ob pela V colaboração.

    Julio

  12. Déborah Ganassali Says:

    Olá!

    Eu gostaria de saber se existem panelinhas com capacidade para menos de 1 litro (meio litro +-), tipo caçarola de dois cabinhos curtos ou estilo caldeirão.
    Pretendo usá-las para servir diretamente pratos quentes, portanto não podem ser muito pesadas. Se forem esmaltadas fica melhor …

    Poderiam me ajudar? Onde posso encontrar?

    Obrigada!

    • Armazém S.A. Says:

      Olá Déborah, já vi algumas panelinhas como as que você procura sim. Elas são de ferro, o que as tornam um pouco mais pesadas, mas como você não quer que elas sejam grandes, acho que isso não será um problema. Por favor, dê uma olhada neste link: Panela de Ferro Staub 12 cm

      Outra opção, seriam panelinhas de cerâmica, com certeza um pouco mais leves: Panela de Cerâmica Staub 15 cm

      E se você quiser fazer um charme na hora de servir, sugiro estas, para um molho ou algo do tipo: Mini-mini Staub

      Abs!

  13. Déborah Ganassali Says:

    Eduardo

    Muito obrigada pela atenção. Era exatamente isso que eu procurava, e as acabei encontrando ante-ontem aqui em Florianópolis, porém não são da marca Staub nem Le Cruiset – pra ser franca não vi a marca e comprei para testes pois as diferenças de preço eram muito grandes.
    As que comprei já foram diretamente para o bico-do-fogão e para o forno – suportam até 230º.
    Agora surgiu uma duvida, devido a diferença de preço: será que essas que comprei (mini-mini a R$ 17,50) oferecem algum risco a saúde? Me pareceram ser idênticas a Le Cruiset (as que vi) e às foto ai em cima também.
    Mais uma vez muito obrigada por sua atenção!

    • Armazém S.A. Says:

      Déborah, tenho certeza que, se elas fazem mal a saúde, não é por causa da diferença de preço. Enquanto uma panela de ferro nacional, de uma boa marca, como a Fumil – Panela Mineira, custa em torno de R$50, as panelas da Le Creuset custam quase dez vezes esse valor mas é por serem feitas com um material de melhor qualidade, por serem esmaltadas, e por serem importadas, pagando impostos.

      Qual a marca das que você comprou? Deu uma olhada no site deles ou conversou com alguém que já as conheça? Às vezes eles podem ter mais alguma informação sobre a qualidade das panelas e riscos à saúde.

      Abs!

  14. Douglas Tavares Says:

    Gostaria de parabenizar o blog pela informaçoes relevantes sobre panelas de ferro, este é a pagina com as melhores informaçoes da internet sobre esse tipo de produto. Após ler atenciosamente esse blog decidi comprar a minha primeira panela de ferro e hoje já substitui as panelas de aluminio e inox da minha cozinha. Comprei minhas panelas através de uma loja virtual que tambem encontrei no google a Deferro Panelas ( http://www.deferropanelas.com.br ). Recebi rapidamente as panelas da marca Panela Mineira que já chegam prontas para usar (curtidas/temperadas), recomendo!!! Mais uma vez muito obrigado pelas informaçoes relevantes

    • Otavio Moreira Says:

      Douglas,

      Eu também troquei as minhas panelas de teflon por panelas de ferro… saúde em primeiro lugar!

      Valeu pelo dica da loja virtual… aqui na minha cidade só encontramos panelas de aluminio e inox…

      Atenciosamente,

      Otávio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: